“Se a treva se adensa em torno de teus passos,
não te desorientes.

Reage, intensificando a luz que brilha dentro de ti.
Se a maldade busca
denegrir-te as obras,
não te perturbes.
Reage, multiplicando a bondade
que reside em teu coração.
Se a calúnia tende a insinuar-se nos círculos

de tuas relações, não te exasperes.
Reage, cultuando a Verdade que pontifica
no altar da tua consciência.
Se a vaidade procura enredar-se nas teias
da ilusão, não te acomodes,
Reage, amando a simplicidade que
jaz na essência da tua vida.
Se a tristeza busca avassalar-te o ânimo,

não te abatas.
Reage, nutrindo-te da alegria que se oculta nas
raízes de tua crença.
Se o ódio tenta penetrar o santuário de teus
sentimentos, não te aflijas.
Reage, desdobrando o manto do amor que

“cobre a multidão de pecados”.
E se, a despeito de tuas reações, vires que
o mal resiste, ainda assim,
Reage à infiltração do desânimo,

porque um dia chegará em que
Toda treva se converterá em Luz,
Todo o mal em Bem,
Toda tristeza em Alegria,
Todo o ódio em Amor.”

(Rubens C. Romanelli)

..........Próximo
Anterior..........